Arquivos | Textos sobre fotos Feed RSS para esta seção

Saudosa

18 nov

Minha memória é feita de acordes consoantes

Bailando livres em sol menor

Vejo-a esfumada em sombras preguiçosas

Que tomam conta do espaço

Até serem, lentamente, o próprio espaço

.

Minha memória é melodia

Cantada ainda dias e noites

Refletida em paredes amareladas

Numa despedida que nunca se acaba

.

Eterna tarde ensolarada

Recolhida à pureza de um sentimento

Minha memória segue ali sentada

Imortalizada em momentos

.

Minha memória viaja pelo vento

Como o som de um violão solitário

Soando acordes arbitrários

E sempre volta no tempo

.

Sempre que tenho saudade

Meus olhos resgatam lembranças

E os momentos que já se foram

Voltam a ser

e estar

Espetáculo da noite

18 abr

(foto de Alice Jardim)

.

Abrem-se as cortinas do céu

E despencam estrelas sobre nós

Regidas por ela: a luz amarela

- Silentemente se dá -

O espetáculo fulgente

da noite.

Se não pisar, já ajuda!

24 mai

Foto de Alice Jardim

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 184 outros seguidores